MicroPoema

Charles Burck 01

Micropoema

Charles Burck

Se ao menos a saudade sangrasse, eu me esvairia
Todo um ser em sangue,
Se a dor fosse só a carne da carne
Que se sossega matando,
Dar-me- ia ao sacrifício dos homens
À lâmina que lacerasse
A face que se esfrega na pedra,
A dor que desanda sofrer,
Dor visível de doer,
Rio vazante, itinerantes na alma,
Ah dor,
Se ao menos essa dor me sangrasse…

Charles Burck

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s